Franquia Starbucks – Como abrir uma? Investimentos e faturamento

Muitas pessoas sonham em abrir uma franquia Starbucks, a famosa rede de cafeteria, conhecida no mundo inteiro. Mas será que é possível? Infelizmente, a resposta é não! Uma franquia Starbucks não existe, mas sim o que se chama de licença. Com um investimento de, no mínimo, R$ 500 mil, você pode ser um revendedor Starbucks, não um franqueado.

franquia starbucks

Entenda sobre isso hoje:

  • Diferença entre franquia x licença;
  • Vantagens de uma “franquia Starbucks”;
  • Como ter uma unidade Starbucks;
  • Orientações e dicas.

Confira!

Franquia e licença: dois modelos de negócios distintos

Pode até parecer surpresa que a Starbucks decida não liberar franquias, mas o estilo de licença é uma jogada interessante de negócio que garante um bom lucro para quem quer investir nela.

Antes de abordarmos sobre o caso Starbucks, é bom elucidar sobre a diferença entre franquia e licenciamento. Veja só:

Características de uma franquia

  • Há o investimento no sistema de gestão completo;
  • Aprende-se como administrar o negócio;
  • Há obrigação em seguir os padrões estabelecidos pela rede;
  • É um investimento em um modelo já existente, de uma marca já consolidada no mercado;
  • Fornecedores e know-how de gestão cadastrados.

Características de um licenciamento

  • Há o investimento no direito de usar a marca e vender os seus produtos e serviços;
  • Tem-se independência na gestão do negócio;
  • Não há qualquer obrigação de seguir padrões estabelecidos;
  • O investimento é um pouco mais barato;
  • O revendedor decide como pretende trabalhar;
  • Know-how da empresa não é transmitido ao licenciado.

Em alguns casos, as franquias ainda exigem uma taxa de franquia, enquanto que os contratos de licenciamento não, também sendo diferenciados por apresentarem uma duração maior que os de licença.

Mesmo que ainda pareça estranho para você, veja as informações sobre a licença da Starbucks. Quem sabe, o caso lhe forneça melhores esclarecimentos.

“Franquia” Starbucks

A empresa Starbucks está em território brasileiro desde 2006 e continua sendo confundida (e muito) com uma redestarbucks produtos de franquias.

Na realidade, as lojas existentes são exclusivas da companhia, não existindo lojistas Starbucks. Ou seja, há investimento e operação 100% próprios.

Um investidor, você, por exemplo, pode montar uma unidade, pois a Starbucks lhe fornece uma licença permitindo o uso da marca e de todos os produtos, tendo acesso às formas de gerenciamento, ao atendimento e até às receitas. O diferencial é que você implementa o conhecimento adquirido sobre o negócio da maneira que acreditar ser a melhor.

Você planeja e estrutura a loja Starbucks (sem perder a identidade conquistada por esse grande nome, é claro), deixando a empresa com “menos trabalho”, uma vez que se fosse uma franquia Starbucks, todas as unidades e custos estariam nas mãos da organização.

Embora tenha-se citado o valor de investimento, de no mínimo R$ 500 mil, é importante que você se atente para qualquer diferenciação, já que o valor exato só será descoberto após a escolha do local e do tamanho da instalação da rede.

De todo modo, R$ 500 mil é uma quantia básica de investimento na licença de uso da marca e dos produtos Starbucks.

Como ter uma “franquia” Starbucks?

O primeiro passo para ter uma unidade da Starbucks é informar-se sobre a licença:

  • Embora a sede da Starbucks seja nos Estados Unidos, você pode acessar o site oficial do Brasil;
  • No site, encaminhe uma mensagem contando do seu interesse em ser um licenciado da marca Starbucks;
  • É bem provável que você precisará informar determinados dados pessoais, financeiros e já ter em mente o local que a Starbucks será instalada e a ideia do negócio que pretende realizar.

Não esqueça que haverá uma avaliação rigorosa, portanto, aguarde para que entrem em contato com você.

Uma dica para que a empresa não descarte seu interesse logo de cara é preparar um plano de negócios que dará sucesso e lucro – por sorte é que você pode usar o próprio plano existente na Starbucks ou mesmo inspirar-se nele.

Lembre-se dos seguintes aspectos:

  • Diferencial;
  • Competitividade;
  • Estratégia;
  • Posicionamento.

Esses são pontos fundamentais para que se forme uma “franquia” Starbucks com total desenvolvimento financeiro.

Siga as dicas abaixo para montar uma unidade Starbucks:

  • Absorva as informações sobre o funcionamento da Starbucks e coloque-as em prática;
  • Garanta um treinamento de qualidade ao quadro de funcionários de sua unidade;
  • Tenha um espaço que atraia consumidores – hoje em dia, certos recursos são indispensáveis, como é o caso de acesso à Internet via Wi-fi, televisão, música ambiente e conforto para aproveitar um bom café;
  • Fique de olho nas vantagens oferecidas pela rede Starbucks e as disponibilize em sua unidade, como é o caso dos cupons de desconto e tickets.

Essas orientações garantem credibilidade e fidelização dos clientes.

Viu só que mesmo sem uma rede de franquias a Starbucks pode possibilitar uma chance de mudar de vida financeiramente? Dê os primeiros passos sem medo e comece a construir uma nova etapa junto à marca Starbucks.


Ajude a melhor ainda mais o site, avalie:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Leave a Reply