Quais são os passos para abrir uma empresa?

Quando o empreendedor pensa em abrir uma empresa, bate um desânimo por conta da burocracia. No entanto, isso não pode ser um empecilho para tirar as suas ideias e sonho do papel e torná-las uma realidade.

As dificuldades que um empreendedor provavelmente vai enfrentar vão muito além da formalização da empresa, uma deles é o grande esforço em fazer pesquisas de mercado, avaliar o ramo de atividade e entender profundamente do negócio que pretende investir.

Todavia, tudo fica mais fácil quando as etapas já estão pré definidas, afinal, ser o seu próprio chefe tem o ônus e o bônus, é preciso trabalhar muito para alcançar o sucesso. No entanto, os frutos desse esforço podem ser muitos promissores.

Passos para abrir uma empresa

Passos para abrir uma empresa

Nessa sequência de etapas, serão citados o caminho que o empreendedor deve seguir para começar o seu próprio negócio levando em conta que ele já saiba o ramo de atividade que vai atuar ( Comércio, Prestação de serviços ou Fabricação de algum produto).

Ou seja, a ideia já existe, basta colocar ela em prática, então, segue o passo a passo para formalizar o seu negócio:

1 – Registrar a empresa

Esse é o 1º passo para começar sua atividade empresarial devidamente formalizado. O mais indicado é procurar um contador de sua confiança, pois ele poderá efetuar o processo de abertura e manutenção da  empresa, além disso, o profissional vai cuidar de todas as inscrições, licenças e alvarás necessários para que seu negócio fique dentro da lei.

Geralmente, os documentos necessários são: RG, CPG, titulo de eleitor, PIS- PASEP,  documento de residência, certificado de reservista (homens), documento comprovante de endereço empresarial e declaração de imposto de renda. Todos os sócios devem apresentar essa lista completa ao contador.

Nesse processo de abertura serão realizados:

  • Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica ( CNPJ);
  • Registro na Junta Comercial;
  • Cadastro da I.E ( Inscrição Estadual);
  • Solicitação de licenças para o funcionamento da empresa em órgãos responsáveis ( vai depender do ramo de atuação do negócio), entre eles: ANVISA, IBAMA, Prefeitura, Corpo de Bombeiros.
  • Inscrição da empresa na Previdência Social;

São muitos documentos necessários para viabilizar o negócio, a falta de um deles, pode atrapalhar todo o processo, por isso, é ideal contar com a ajuda profissional de um escritório de contabilidade.

Além disso, cada cidade e estado possuem legislações próprias, podendo exigir outros tipos de documentos, é importante ficar atento.

Caso optar pela MEI ( Microempreendedor Individual) todo esse processo não  é necessário, basta entrar no site Portal do Empreendedor e fazer o cadastro, o CNPJ sai na hora. Mas, existem limites de faturamento anual ( até 81 mil) , pode ter apenas 1 funcionário e o titular não pode ter participações em outras  empresas.

2 – Elaboração do contrato social

O contrato social é um documento onde vai constar informações como: Capital social da empresa, participação de cada sócio, atividades do negócio, modelo de tributação e outras informações essenciais.

Os sócios podem elaborar o documento com a ajuda  um advogado ou contador, o contrato deve ser assinado e reconhecido em cartório.

3 – Enquadramento tributário

Como visto acima, a contratação de um contador é indispensável para seu negócio, é um profissionais que fará parte da folha de pagamento mensal da empresa, afinal, é através dele que a maioria dos serviços burocráticos serão realizados.

Todo o processo de abertura de empresa, elaboração do contrato social e enquadramento tributário precisam de orientação do contador, pois ele conhece as estratégias de reduzir as alíquotas dos impostos.

4 – Comece as atividades

No Brasil, o processo de abertura de empresa pode levar de 30 a 60 dias, ainda é um prazo bastante longo. Nesse meio tempo, o empreendedor pode arrumar o local de funcionamento dos negócios.

O custo para um escritório de contabilidade providenciar todos os serviços citados acima gira em torno de R$ 700,00 a R$ 1200,00. Depois, é importante combinar uma mensalidade com o profissional para manter os serviços de emissão de guias de pagamento de impostos, folha de pagamento, fazer o balancete da empresa e outras atividades indispensáveis.

Invista em uma boa equipe de profissionais, um ambiente adequado de trabalho e principalmente muita determinação para levantar os negócios.

Abrir uma empresa não é  uma tarefa simples, por isso, antes de dar o primeiro passo, elabore um bom plano de negócios para verificar a viabilidade de ser um empresário.


Ajude a melhor ainda mais o site, avalie:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Leave a Reply