Portal do empreendedor (MEI) – Como acessar? e Passo a passo do cadastro

O portal do empreendedor foi criado pelo Governo Federal para atender o Microempreendedor Individual ( MEI). O objetivo é facilitar a vida de quem quer ter o próprio negócio amparado pela lei.

O projeto ajudou muitos trabalhadores a sair da informalidade, especialmente aqueles que trabalhavam por conta própria,  pois de uma maneira descomplicada e sem investimentos, é possível abrir um CNPJ e começar as suas operações de forma legal.

Para se formalizar como um empreendedor pelo MEI é preciso que a área de negócio se enquadre no projeto, no Portal é possível fazer essa consulta.

portal do empreendedor

Para que serve o Portal do Empreendedor?

O Portal do Empreendedor permite que as pessoas tenham acesso à diversas informações  necessárias para gerir uma empresa. Além disso, disponibiliza uma série de serviços.

Existem algumas vantagens em se tornar um MEI, são elas:

  • É possível abrir contas em banco e fazer compras para o negócio em nome de pessoa jurídica;
  • Com o CNPJ de MEI, é possível ter um funcionário registrado em carteira;
  • Fica mais fácil ter linhas de crédito com taxas mais baixas;
  • Pode emitir Nota Fiscal, fator que ajuda a conquistar mais clientes;
  • O empreendedor pode gozar dos benefícios da previdência como ( licença maternidade, auxílio doença e aposentadoria);
  • Não paga pelo alvará de funcionamento.

Antes de fazer o seu cadastro, a melhor coisa a fazer é ter certeza se essa transição irá te trazer os benefícios que almeja para o seu negócio decolar. Para te ajudar a descobrir, preparamos um texto sobre: está na hora de abrir um CNPJ?  

Como Navegar no Portal do Empreendedor?

Entenda que para ser MEI, você precisa seguir algumas regrinhas:

  • Não pode ter sociedade, a empresa é individual;
  • Não é permitido ter mais do que 1 funcionário;
  • Para ser um MEI, você não pode ter participação em outras empresas;
  • Uma empresa MEI, não pode ultrapassar o faturamento de 81 mil reais por ano;

Quando o negócio crescer, a sua empresa deixa de ser MEI e passa a ser ME ( Micro Empresário), nesse caso, é fundamental consultar um contador.

Se você quer entrar no mundo empresarial, a sua porta de entrada certamente pode ser o  MEI. A primeira coisa que deve ser feita é consultar a lista de atividades permitidas no Portal do Empreendedor, pois nem todas as áreas podem ser enquadradas.

Cadastro MEI – Passo a Passo

  1. Acesse o site Portal do Empreendedor;
  2. Clique em ” Formalize-se” e ” formalize-se”;
    cadastro no mei
  3. Vai pedir o seu CPF e Data de nascimento;como cadastrar no mei
  4. Clique em continuar para fazer o cadastro;
    cadastro mei
  5. Quando os sistema pedir para escolher o “ramo de atividade”, veja se o que você pretende fazer está lá, caso contrário, é preciso abrir outro tipo de empresa. Para isso, é necessário buscar ajuda de contador.

Os documentos necessários para se tornar um micro empreendedor individual são:

  • CPF;
  • Título de eleitor;
  • Declaração de renda ( caso não tiver declarado nada, basta não enviar o comprovante);
  • CEP do local da sede da empresa;
  • Número de telefone válido.

Ficou com dúvidas? Então confira o tutorial completo sobre o cadastro MEI. 

Serviços disponíveis no Portal do Empreendedor

Além de fornecer as ferramentas para abrir a empresa e sair na mesma hora com o CNPJ em mãos, o Portal do Empreendedor fornece todas as informações como os  direitos e deveres do empreendedor.

Não se pode esquecer que todo o empresário precisa das dicas de segurança para exercer a atividade, no Portal do Empreendedor, é possível conhecer todas as orientações do Corpo de Bombeiros.

Para o ramo da beleza e alimentos, outros cuidados são necessários, especialmente as ” boas práticas” determinadas pela ANVISA que também podem ser consultadas no Portal do Empreendedor.

Todos os meses, os empreendedores individuais devem pagar uma contribuição mensal que pode ser emitida no Portal do Empreendedor. Apenas informando o CNPJ da empresa é possível ter acesso a guia, existe várias formas de pagamento como:

  • Débito automático;
  • Pagamento online;
  • Boleto de pagamento;
  • Parcelamento.

Por meio do Portal do Empreendedor é possível:

  • Emitir o comprovante do MEI;
  • Fazer a declaração anual de faturamento;
  • Emitir certidões e comprovantes;
  • Informações de crescimento e desenquadramento do MEI;
  • Emissão de certificado digital;
  • Informações de como contratar um empregado;
  • Dicas financeiras e como vender mais.

Todos esses itens ficam disponibilizados na página de “serviços” do Portal do Empreendedor. Além disso, é possível ” baixar o MEI” ( fechar a empresa) pelo próprio site.

Além do mais, com o Portal do Empreendedor, o acesso à informação para quem deseja ser o seu próprio patrão ficou mais simplificado. Ficou com dúvidas? Então confira as perguntas e respostas sobre o MEI. 


Ajude a melhor ainda mais o site, avalie:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Leave a Reply